quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Poema Religare Para As turmas da eletiva Coexistir

Quatro pontos tem a minha religião, faço deles a minha filosofia e faço deles a minha ação,
viva, creia, ame e faça, essa também é minha oração,
viva sua filosia, ame a sua arte, creia na sua religião e faça a sua parte,
mas não use sua religião pra tentar reprimir o outro,
somos sete bilhões de mentes no mundo
e querer que todo mundo creia na mesma coisa é no mínimo papo de louco.
Eu respeito todos que tem fé, eu respeito todos que não há tem, eu respeito que crê em um Deus
, eu respeito que não crê em ninguém,
eu gosto de que tem fé no verso, eu gosto de quem tem fé em si mesmo, eu gosto de quem tem fé no universo, e eu gosto dos que anda a esmo,
um abraço pra quem é da ciência, um abraço pra quem é de Deus, um abraço pra quem é da arte, e um abraço pra quem é ateu,
axé pra quem é de axé, amém pra quem é de amém, blessed pra quem é de magia,
e amor pra quem é do bem, intolerância religiosa é a própria contradição,
religião vem do latim religare que significa união, então pare de dividir o mundo entre os que vão e os que não vão para o paraíso,
o nosso mundo tá doente em tudo enquanto nos perdemos tempo brigando por isso,
ao invés de dividir as religiões entre as que são do mal e as que são do bem,
que tal botar sua ideologia no bolso e ajudar aquele moço que de frio morre na rua desamparado e sem ninguém,
os grandes mestres já disseram que precisamos de união,
então porque não fazer do respeito também uma religião.

domingo, 29 de outubro de 2017

Eletiva Coexistir Fase Fóco na Culminância O Sagrado e seus Simbolos

Nesta fase os alunos de ambas as turmas devem proceder a escolha de  cinco símbolos que gostariam de ver estampados como logomarca da Eletiva Coexistir. Anotar e comunicar o Prof. da sua turma qual é o simbolo escolhido para que na próxima fase ele possa concorrer em disputa com os demais para ser estampado. Vejam que a escolha não deve demorar além desta semana! Nosso tempo é curto!

Nest











terça-feira, 3 de outubro de 2017

Aula de IMT Escola Gabriel Pozzi Limeira SP Prof. Claudio e 3ªSérie 3

 Nesta fase de final do terceiro bimestre e inicio de quarto bimestre, portanto reta final do Ensino Médio, para maioria dos educandos, O norte seguido por nós nesta disciplina aponta para situações mais presentes na realidade do cidadão. Colocando os alunos na menor distancia possível da realidade do mundo do trabalho por intermédio de atividades e dinâmicas que propiciem experiencias que viverão em breve, num futuro bem próximo.







domingo, 27 de agosto de 2017

Café Sociológico com a 1ª Série 03 EE Gabriel Pozzi Limeira SP Brasil Agosto de 2017










Mesa arrumada pelas alunas Ana, Isabela e Ingrid com a contribuição de todos os alunos participantes do café

Professores  Fredy - Geo, Edson-Química, aluna Isabela, Adriana -Arte e Claudio Sociologia

Professor Claudio Mediando o debate do currículo do estado de SP sobre o tema: O caráter culturalmente construído da Humanidade, com a participação dos docentes convidados de outras disciplinas.





Alunas que organizaram a mesa: Ingrid, Ana e Isabela











Professor Claudio ao centro e professora Janete da disciplina de Inglês, no auge do debate 


Hora do lanche!





Turma toda da primeira série 3 reunida para imortalizar o seu primeiro Café Sociológico

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Culminância das Eletivas da Escola Gabriel Pozzi - 2017 1ºS- Limeira SP - Eletiva Musicantos

TPC - tensão pré culminância






Acertos finais, elaboração do cronograma de apresentação das canções



O dia da Culminância chegou...

Apresentadores da Eletiva Musicantos Sabrina Brilhante 2ª2 e Patrick Figueiredo contando o que "rolou" nas aulas deste semestre em cada aula da eletiva de musica com prof. Claudio.



Alunos de todas as séries num comprometimento total com o que se passava no palco!


Apresentação da musica Banho de Lua de Cely Campelo, representando a cena musical no Brasil na década de 1950.




Sabrina apresenta o grupo que canta a musica dos anos 80, "Exagerado" de Cazuza do Barão Vermelho - à capela.