sexta-feira, 16 de março de 2012

Sociologia - A Metodologia é o estudo dos métodos - para esclarecer

A Metodologia é o estudo dos métodos
Ou então as etapas a seguir num determinado processo.
Tem como objetivo captar e analisar as características dos vários métodos indispensáveis, avaliar suas capacidades, potencialidades, limitações ou distorções e criticar os pressupostos ou as implicações de sua utilização.
Além de ser uma disciplina que estuda os métodos, a metodologia é também considerada uma forma de conduzir a pesquisa ou um conjunto de regras para ensino de ciência e arte.
A Metodologia é a explicação minuciosa, detalhada, rigorosa e exata de toda ação desenvolvida no método (caminho) do trabalho de pesquisa.
É a explicação do tipo de pesquisa, dos instrumentos utilizados (questionário, entrevista etc), do tempo previsto, da equipe de pesquisadores e da divisão do trabalho, das formas de tabulação e tratamento dos dados, enfim, de tudo aquilo que se utilizou no trabalho de pesquisa.
Em Gestão de Projetos, existe a metodologia geral e a metodologia detalhada.
A metodologia pode ser dividida em vários métodos até chegar num determinado objetivo.
 
Conceito
Deve-se notar que a palavra metodologia é muitas vezes usada onde seria mais adequado usar método.
É um exemplo claro de inflation.
Por exemplo tomemos a frase "Já que os estudantes não estavam disponíveis para responder a pesquisa sobre o sucesso acadêmico, nós mudamos nossa metodologia e, em vez deles, utilizamos respostas dos instrutores".
Nesse caso, a metodologia (fazer pesquisa presumindo que isso fornece resultados confiáveis) não mudou.
O que mudou foi o método (perguntar a professores em vez de a estudantes).
 
O termo metodologia inclui os seguintes conceitos, em relação a uma disciplina particular ou campo de estudo:
 
1.coleção de teorias, conceitos e idéias;

2.estudo comparativo de diferentes enfoques;

3.crítica de um método individual.

Metodologia refere-se a mais do que um simples conjunto de métodos, mas sim refere-se aos fundamentos e pressupostos filosóficos que fundamentam um estudo particular.
É por isso que a literatura acadêmica geralmente inclui uma seção sobre a metodologia dos pesquisadores.
Esta seção faz mais do que delinear os métodos dos pesquisadores (como em "Realizamos uma pesquisa com 50 pessoas ao longo de um período de duas semanas e os resultados submetidos à análise estatística", etc), que poderia explicar o que os investigadores ' ontológica ou epistemológica são vistas.
 
Outra chave de uso de metodologia não se refere à pesquisa ou às técnicas de análise específica.
Isso muitas vezes refere-se a tudo e qualquer coisa que possa ser encapsulado por uma disciplina ou uma série de processos, atividades e tarefas.
Exemplos disto são encontrados em desenvolvimento de software, gerenciamento de projetos e campos de processo de negócio.
Esse uso do termo é tipificado pelo contorno quem, o quê, onde, quando e porquê.
Na documentação dos processos que compõem a disciplina, que está sendo apoiado por "esta metodologia", que é onde iríamos encontrar os "métodos" ou processos.
Os processos em si são apenas uma parte da metodologia, juntamente com a identificação e uso das normas, políticas, normas, etc

Sociologia - Método e Ética - para os alunos do 1º Ano do EM da E.E.Prof. Paulo Chaves - 16 03 12


método científico é
 um conjunto de regras básicas de como se deve proceder
 a fim de produzir conhecimento dito científico, quer seja este um novo conhecimento quer seja este fruto de uma integração, correção (evolução) ou uma expansão da área de abrangência de conhecimentos pré-existentes.
 Na maioria das disciplinas científicas consiste em juntar evidências empíricas verificáveis  - baseadas na observação sistemática e controlada, geralmente resultantes de experiências ou pesquisa de campo - e analisá-las com o uso da lógica. Para muitos autores o método científico nada mais é do que a lógica aplicada à ciência.

As Regras do Método Sociológico 
(em francêsLes règles de la méthode sociologique), primeiramente publicado em 1895, é um livro de Émile Durkheim
É reconhecido por ser resultado direto do projeto próprio de Durkheim de estabelecer a sociologia como uma nova ciência social. Assim sugere duas teses principais, sem as quais a sociologia não poderia ser uma ciência:
  1. Precisa ter um objeto específico de estudo. Diferentemente da filosofia ou da psicologia, o objeto próprio da sociologia é o fato social.
  2. Precisa respeitar e aplicar um reconhecimento objetivo, um método científico, trazendo-a para perto, dentro do possível, das outrasciências exatas. Este método pode evitar a todo custo preconceitos e julgamentos subjetivos.



A ética também não deve ser confundida com a lei, embora com certa frequência a lei tenha como base princípios éticos. 
Ao contrário do que ocorre com a lei, nenhum indivíduo pode ser compelido, pelo Estado ou por outros indivíduos, a cumprir as normas éticas, nem sofrer qualquer sanção pela desobediência a estas; por outro lado, a lei pode ser omissa quanto a questões abrangidas no escopo da ética.
Ética é o nome geralmente dado ao ramo da filosofia dedicado aos assuntos morais. A palavra "ética" é derivada do grego ἠθικός, e significa aquilo que pertence ao ἦθος, ao caráter.
Diferencia-se da Moral, pois, enquanto esta se fundamenta na obediência a normas, tabus, costumes ou mandamentos culturais, hierárquicos ou religiosos recebidos, a ética, ao contrário, busca fundamentar o bom modo de viver pelo pensamento humano.
Na filosofia clássica, a ética não se resumia à moral (entendida como "costume", ou "hábito", do latim (mos, mores), mas buscava a fundamentação teórica para encontrar o melhor modo de viver e conviver, isto é, a busca do melhor estilo de vida, tanto na vida privada quanto em público
A ética incluía a maioria dos campos de conhecimento que não eram abrangidos na física, metafísica, estética, na lógica, na dialética e nem na retórica
Assim, a ética abrangia os campos que atualmente são denominados antropologia, psicologia, sociologia,economia, pedagogia, às vezes política, e até mesmo educação física e dietética, em suma, campos direta ou indiretamente ligados ao que influi na maneira de viver ou estilo de vida.