quarta-feira, 10 de outubro de 2012

1 EM Sociologia Prof Claudio Correa atividade 4 bimestre 2012

A desigualdade social e a pobreza são problemas sociais que afetam a maioria dos países na atualidade. A pobreza existe em todos os países, pobres ou ricos, mas a desigualdade social é um fenômeno que ocorre principalmente em países não desenvolvidos.
O conceito de desigualdade social é um guarda-chuva que compreende diversos tipos de desigualdades, desde desigualdade de oportunidade, resultado, etc., até desigualdade de escolaridade, de renda, de gênero, etc. De modo geral, a desigualdade econômica – a mais conhecida – é chamada imprecisamente de desigualdade social, dada pela distribuição desigual de renda. No Brasil, a desigualdade social tem sido um cartão de visita para o mundo, pois é um dos países mais desiguais. Segundo dados da ONU, em 2005 o Brasil era a 8º nação mais desigual do mundo. O índice Gini, que mede a desigualdade de renda, divulgou em 2009 que a do Brasil caiu de 0,58 para 0,52 (quanto mais próximo de 1, maior a desigualdade), porém esta ainda é gritante.
Alguns dos pesquisadores que estudam a desigualdade social brasileira atribuem, em parte, a persistente desigualdade brasileira a fatores que remontam ao Brasil colônia, pré-1930 – a máquina midiática, em especial a televisiva, produz e reproduz a ideia da desigualdade, creditando o “pecado original” como fator primordial desse flagelo social e, assim, por extensão, o senso comum “compra” essa ideia já formatada –, ao afirmar que são três os “pilares coloniais” que apoiam a desigualdade: a influência ibérica, os padrões de títulos de posse de latifúndios e a escravidão.
É evidente que essas variáveis contribuíram intensamente para que a desigualdade brasileira permanecesse por séculos em patamares inaceitáveis. Todavia, a desigualdade social no Brasil tem sido percebida nas últimas décadas, não como herança pré-moderna, mas sim como decorrência do efetivo processo de modernização que tomou o país a partir do início do século XIX.

Junto com o próprio desenvolvimento econômico, cresceu também a miséria, as disparidades sociais – educação, renda, saúde, etc. – a flagrante concentração de renda, o desemprego, a fome que atinge milhões de brasileiros, a desnutrição, a mortalidade infantil, a baixa escolaridade, a violência. Essas são expressões do grau a que chegaram as desigualdades sociais no Brasil.
Segundo Rousseau, a desigualdade tende a se acumular.
Os que vêm de família modesta têm, em média, menos probabilidade de obter um nível alto de instrução.
Os que possuem baixo nível de escolaridade têm menos probabilidade de chegar a um status social elevado, de exercer profissão de prestígio e ser bem remunerado.
É verdade que as desigualdades sociais são em grande parte geradas pelo jogo do mercado e do capital, assim como é também verdade que o sistema político intervém de diversas maneiras, às vezes mais, às vezes menos, para regular, regulamentar e corrigir o funcionamento dos mercados em que se formam as remunerações materiais e simbólicas.
Observa-se que o combate à desigualdade deixou de ser responsabilidade nacional e sofre a regulação de instituições multilaterais, como o Banco Mundial.
Conforme argumenta a socióloga Amélia Cohn, a partir dessa ideia “se inventou a teoria do capital humano, pela qual se investe nas pessoas para que elas possam competir no mercado”. De acordo com a socióloga, a saúde perdeu seu status de direito, tornando-se um investimento na qualificação do indivíduo.
Ou, como afirma Hélio Jaguaribe em seu artigo No limiar do século 21: “Num país com 190 milhões de habitantes, um terço da população dispõe de condições de educação e vida comparáveis às de um país europeu. Outro terço, entretanto, se situa num nível extremamente modesto, comparável aos mais pobres padrões afro-asiáticos. O terço intermediário se aproxima mais do inferior que do superior”.
A sociedade brasileira deve perceber que sem um efetivo Estado democrático, não há como combater ou mesmo reduzir significativamente a desigualdade social no Brasil.



Orson Camargo
Colaborador Brasil Escola

Graduado em Sociologia e Política pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo – FESPSP

Mestre em Sociologia pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Sociologia - Brasil Escola

Fonte: Brasil Escola - http://www.brasilescola.com/sociologia/classes-sociais.htm

51 comentários:

  1. 1°5 Gabriela n°08

    A pobreza e a desigualdade social,Ambas caminham lado a lado,onde muitos Têm pouco e poucos tem muito,ou seja muito capital concentrado nas mãos de poucas pessoas e muitas pessoas sem nenhum capital.Podemos afirmar que geram grandes contrastes socias um ex. claro poderia ser um bairro num grande centro urbano,na frente luxuosos apartamentos de,atrás uma imensa favela,riqueza e pobreza,contrastando lado a lado,gerando uma grande desigualdade social.

    ResponderExcluir
  2. 1°05 Mirelle n°17
    Absolutamente nenhuma. Igualdade social é algo impossível, idéia de lunático, só podia ter saído da cabeça e um comunistóide. As pessoas são desiguais por natureza, cada qual possue as habilidades, aptidões e vocações que se desenvolvem ao passar do tempo. O saldo de quem tentou implantar essa utópica e visionária idéia de igualdade social é um rastro de miséria, pobreza , destruição e o sangue de 200 milhões de vítimas inocentes.

    ResponderExcluir
  3. 1°5 Samara n°24
    Bom a desigualdade tem muita pobreza tem pessoas que sao ricas outras sao pobres e poucas pessoas conseguiram terminar os estudos pois tiveram muitas dificuldades e tambem sao problemas sociaveis mas tambem tem muita miseria
    Poucas pessoas querem ajudar o proximo . etc....

    ResponderExcluir
  4. 1º5 RODRIGO ALMEIDA nº23

    o BRASIL É UM DOS PAISES COM O MAIOR INDICE DE DESIGUALDADE SOCIAL, E COM ISSO O BRASIL PERDE, AS PESSOAS DEVIAM MUDAR SEU PONTO DE VISTA COMEÇAR VER O MUNDO COM OUTROS OLHOS VER QUE NÃO EXISTE SÓ ELE NO MUNDO, SEGUNDO DADOS DA ONU, EM 2005 O BRASIL É 8º NAÇÃO MAIS DESIGUAL DO MUNDO. O BRASIL PODE MELHORAR SE AS PESSOAS COMEÇAR A PENSAR SOBRE AS PESSOAS QUE TODOS NOS SOMOS IGUAIS DEPENDO DE TUDO DINHEIRO, BENS MATERIAS TODOS NÓS POR DENTRO SOMOS A MESMA COISA.!

    ResponderExcluir
  5. 1°5 stephan n°35
    Desigualdade Social é tratar as pessoas como diferentes. Estas diferenças se baseiam nos seguintes aspectos: coisas materiais, raça, sexo, cultura e outros. Para Sabermos o que é desigualdade social, basta dar uma olhada em nossa sociedade pois nela existem indivíduos que vivem em absoluta miséria ....

    ResponderExcluir
  6. 1°5 Micaela Bruna Da Silva N° 16

    A desigualdade e a pobreza são um dos problemas que o nosso pais enfrenta e que deveríamos mudar. Não sei se é certo ou errado tratar as pessoas com desigualdade, só sei que somos uma nação que deveria ser unida pra enfrentar os problemas juntos. São coisas poucas que fazer de nós diferentes, mais não ao ponto de nós tratar com desigualdade, com indiferença só porque uns tempos mais que outros, por não saber ler e nem escrever, por ser negro ou branco, etc. Somos um pais com a mente pequena que não sabe valorizar as coisas que tem e ainda por cima fica destratando os que não tem.

    ResponderExcluir
  7. 1°5 Beatriz Caroline Franco n°04
    A desigualdade social é muito comum hoje em dia.
    A gente vê muitas pessoas ricas e pobres,a diferença social é muito alta,algumas pessoas tem muito e outras não tem nada.
    As pessoas de níveis social mais altos deviam ver a população com outros olhos,pois todos são iguais..
    O Brasil pode melhorar o índice de desigualdade soicial.

    ResponderExcluir
  8. 1°5 Alessandra n°02
    A desigualdade social é muito diferentes em vários países,uns as rendas social são baixas e outras são mais altas,são mais desenvolvidos,tem tecnologias avançadas,em quanto uns estão em falta.O brasil mesmo tem muitas diferenças,pessoas mais ricas e outras não,salários diferentes,etc.Hoje em dia a desigualdade ja ta ficando meio comum,pois são muitas diferenças.

    ResponderExcluir
  9. 1º5 Thayna galette 31
    a desigualdade social esta vivendo hoje muitos conflitos as pessoas só pensão em ser uma melhor do que a outra vamos viver neste mundo por mais tempo. vamos viver em um mundo com paz. as pessoas so pensão em ser melhores do que as outras em ter a melhor roupa etc.
    então vamos parar com isso.

    ResponderExcluir
  10. 1º2 LARISSA Nº20

    NA MINHA OPINIÃO A DESIGUALDADE NO MUNDO INTEIRO É UM PROBLEMA PARA A NOSSA SOCIEDADE.E ISSO ACABA CAUSANDO RIVALIDADE ENTRE AS PESSOAS,PRINCIPALMENTE QUANDO É UM RICO COM POBRE OU BRANCO COM NEGRO.É EVIDENTE QUE ESSAS MANEIRAS DE CONTRIBUEM PARA A INTENSIDADE DA DESIGUALDADE BRASILEIRA PERMANECENDO POR ANOS E ANOS....MAS PRA MIM NÃO A DIFERENÇA NÃO TEM NADA A VER PORQUE SOMOS TODOS IGUAIS UM AO OUTRO.

    ResponderExcluir
  11. 1º2 Raiane Nº29

    A desigualdade é um fato que ocorre em todo o mundo. Há dois tipos de desigualdade:aquele que sofre e aquele que pratica! A desigualdade ocorre muitas vezes por questões de raça, financeiramente,religiosas entre varias outras.
    É verdade que as desigualdades sociais são em grande parte geradas pelo jogo do mercado e do capital.

    ResponderExcluir
  12. Gabriel N°9 1°2

    A desigualdade social em nosso país é muito grande, e não é muito difícil de perceber isso, basta você sair e dar uma volta na rua que vai achar desigualdade. Tudo isso é por causa do dinheiro, a ganancia do ser humano por um pedaço de papel, que nós mesmos damos valor, senão, seria só papel. Mas a desigualdade é praticamente impossível de acabar, cada pessoa quer ser melhor que o outro, ter a melhor casa, o melhor carro. E isso vai passando de geração pra geração, pois alguém que nasce em uma família pobre, tem menos chance de ser alguém bem sucedido por causa do preconceito. Por isso, sempre haverá desigualdade.

    ResponderExcluir
  13. 1º2 Alison nº02
    O texto trata-se de desigualdade social isso tem em todos os Paises .Mais o qual que se destaca no texto é o nosso Pais o Brasil,principalmente nas aréas da educação ,Saude,Seguranção e da Violencia .Apesar do Brasil ser o Pais maior da america do sul é é o mais desigual de todos da America .Segundo a índice Gini, que mede a desigualdade de renda, divulgou em 2009 que a do Brasil caiu de 0,58 para 0,52 (quanto mais próximo de 1, maior a desigualdade), porém esta ainda é gritante.Também me chamou a atenção a parte que diz :“Num país com 190 milhões de habitantes, um terço da população dispõe de condições de educação e vida comparáveis às de um país europeu. Outro terço, entretanto, se situa num nível extremamente modesto, comparável aos mais pobres padrões afro-asiáticos. Como o Brasil Pode ser tão Rico e tão Desigual. Isso tem que ter um fim

    ResponderExcluir
  14. 1º2 Isaac Anderson B.Gomes nº13
    A desigualdade social vem sendo observada ao longo do tempo.Podemos observar que em países ricos sempre tem alguém abaixo nível,e entre a desigualdade está a miséria,famílias passando fome, e morando na rua, isso podemos observar ao longo do dia, a desigualdade social esta em todo lugar que se possa imaginar causando vergonha a nossa sociedade, pois só de ver pessoas na rua sem ter o que comer já trás vergonha á nosso país,para que isso não acontecesse deveria facilitar as coisas para as pessoas mais pobres,e nós deveríamos ajudar.

    ResponderExcluir
  15. 1°2 André N°35

    A desigualdade social é um grande problema para todos os países, pois não afeta só os que estão em desenvolvimento, mas também os desenvolvidos.
    Os mais prejudicados são os países em desenvolvimento, pois não conseguem se desenvolver direito.
    Na minha opinião, existe a desigualdade pois o país não se qualifica em áreas que estão cada vez mais se desintegrando e sem profissionais adequados.

    ResponderExcluir
  16. 1°2 Douglas Rafael Volpato n°6 A desigualdade é algo que esta presente no cotidiano de todos, você pode estar ali andando na rua que vai ver uma pessoa sem nada pedindo esmola e outra ali cheia de sacolas com roupas,sapatos, etc. Com vemos que a varias formas de desigualdade, tem a desigualdade econômica como sitei no exemplo, desigualdade de oportunidade quando a pessoa quando deixa de dar um emprego por que não foi com a cara da pessoa, e isso o mundo esta cheio de desigualdade de todos os tipos.
    Vamos falar um pouco aqui da desigualdade de nosso pais, o Brasil, o pais do carnaval, o pais da alegria, mais nenhuma pessoa vê a desigualdade do Brasil que cresse muito em 2005 a ONU constatou que o Brasil e o 8° pais mais desigual do mundo sinal que não estamos ligando par isso, e isso tem que melhorar pois somos um povo com muita determinação.

    ResponderExcluir
  17. 1°2 Aldemir n°01

    A desigualdade social, é ato comum na populacao em geral,mesmo no países mais desenvolvidos ate aquele países pobres; em qualquer lugar, porem a desigualdade ocorre mas nos países nao desenvolvidos.O Brasil é um dos países mas desigual segundo os dados da ONU, a miseria, o desemprego de varios brasileiros, a mortalidade infantil,violencia, as pessoas que possuem nivel baixo de escolaridade tem menos chance de ter um status elevado, de exercer uma profissao boa e de ter uma vida bem sussedida, a politica tambem ajuda o Brasil a ser um países desigual, apesar todas essas desigualdades dependem da politica brasileira para mudar esta situaçao.
    A desigualdade social se tornou um ato comum em nosso mundo, que acabou sendo aceito pela populaçao.

    ResponderExcluir
  18. 1º2 Audrey nº03

    A desigualdade social afeta vários países - ricos ou pobres -, mas seu alvo principal são os países que estão em desenvolvimento, prejudicando-os de crescer. No Brasil, o nível de desigualdade atinge a marca de 0,52, tornando-o a oitava nação mais desigual do mundo. O índice de desenvolvimento no país, vem crescendo em algumas áreas (como na tecnologia, por exemplo), mas em outras - na saúde e educação - apenas limitam a desqualificar-se, por falta de médicos e professores profissionalizados nos cargos. Esta, creio eu, é uma das maiores dificuldades para o Brasil ampliar sua fronteira, referindo-se do ato de se desenvolver.

    ResponderExcluir
  19. 1º2 lucas Alves nº23

    A desigualdade social esta afetando a maioria dos países da atualidade.
    A desigualdade social esta também nos levando à pobreza,nos trazendo as disparidades sociais:educação,renda,saúde etc.
    As desigualdades sociais são em grande parte geradas pelo jogo do mercado e do capital. Observa-se que o combate à desigualdade deixou de ser responsabilidade nacional e sofre a regulação de instituições multilaterais, como o Banco Mundial.

    ResponderExcluir
  20. Brenda 1°2 N°4

    A desigualdade social, é algo que acontece no mundo todo, e que infelizmente ocorre no nosso país.
    A desigualdade é quando uns tem muito e o outros quase nada, é classificar alguém melhor que o outro, é uma forma de preconceito, é agir de forma injusta e pensar só em si.
    Para combater a desigualdade é preciso que sejamos justos a cada situação que nos acontece,devemos ser leais a nos mesmos, pois não adianta cobrar dos outros o que não exercemos, pois a pior mentira é mentir para si mesmo

    ResponderExcluir
  21. 1º2 gabriele n°10
    A desigualdade abrange tudo, não só um ser rico e outro pobre, mas desigualdade em oportunidade, desigualdade na escola, de gênero, como por exemplo.
    Mais a desigualdade que é mais comum (não só no nosso país, mas em quase em todos os países não desenvolvidos) é a desigualdade de renda.
    Quando desenvolve a área econômica também cresce miséria e com ela cresce também desemprego e vagas nas escolas, etc. Sem a ajuda do Estado não a como vencer ou reduzir a desigualdade do Brasil.

    ResponderExcluir
  22. 1º2 Patrícia nº04
    A desigualdade social são pessoas querendo ser diferentes das outras, umas são mais ricas e outras mais pobres, umas querendo ser melhor que a outra, isso gera conflito, é uma das coisas que ocorre no mundo todo.
    A desigualdade é comum,pois há muita rivalidade e o ser humano é muito vaidoso e quer satisfazer seu ego.

    ResponderExcluir
  23. 1°3 heloisa n°7
    A desigualdade social é um dos fatos mais ocorrido no Brasil e no mundo, o Brasil fico em 8° lugar de país mais desigual.
    As principais causas desse fato é a baixa renda , a desigualdade escolar , que simplesmente afeta o futuro de varias crianças no Brasil e no mundo.
    Quando o desenvolvimento econômico,cresceu também a miséria , educação ,renda e etc....

    ResponderExcluir
  24. 1°3 Rafael silvo n°28
    A desigualdade social Brasileira atribui em partes a persistência na desigualdade Brasileira.
    a fatores que também cresceram por causa do desenvolvimento econômico exemplos:educação , renda e etc.....
    a desigualdade também existe na escola por exemplo: um pessoa de baixa renda não tem muitas chances no mercado de trabalho por que não teve como frequentar uma escola, por ter muitas vezes pra trabalha para ajudar em casa.

    ResponderExcluir
  25. 1º3 taina nº36 bom pelo oque eu li, a desigualdade social saõ pessoas querendo ser,diferentes das outras tipi algumas é mais ricas e outas mais pobre umas querendo ser melhores do que as outras. o brasil é um pais desigual,apesar todas essas desigauldade depende da politica brasileira para mudar essa situaçaõ e foi isso q eu pude entender

    ResponderExcluir
  26. 1º3 Renan Vasconcellos nº33

    Na minha opinião a desigualdade no mundo inteiro é um problema muito sériio para nossa sociedade, eu acho que as pessoas de classe alta deveria ajudar as de classes baixas. Temos que trabalhar juntos.
    Desigualdade e a pobreza são um dos problemas que o nosso pais enfrenta e que deveríamos mudar. Não sei se é certo ou errado tratar as pessoas com desigualdade, só sei que somos um povo só que deveria ter união para combater os problemas juntos, sozinhos não levará a nada.

    ResponderExcluir
  27. 1°3 Lucas Ormundo n°21
    “Um país tão rico e populoso como o Brasil, tem uma desigualdade social muito grande em relação á pobreza, com isso um terço da população dispõe de condições de educação e vida comparáveis às de um país europeu. Outro terço, entretanto, se situa num nível extremamente modesto, comparável aos mais pobres padrões afro-asiáticos. O terço intermediário se aproxima mais do inferior que do superior”.
    A sociedade brasileira deve perceber que sem um efetivo Estado democrático, não há como combater ou mesmo reduzir significativamente a desigualdade social no Brasil”.

    ResponderExcluir
  28. 1º3 REGINA N°32
    NO BRASIL,EXISTEM HOJE DESIGUALDADES SOCIAIS, PORQUE, CRESCEU A MISÉRIA, O DESEMPREGO, A FOME QUE ATINGE MILHÕES DE BRASILEIROS, A DESNUTRIÇÃO,, A MORTALIDADE INFANTIL,A BAIXA ESCOLARIDADE. ESSES SÃO UNS DOS GRANDES FATORES QUE LEVAM A UMA NAÇÃO A TER TANTAS DESIGUALDADES SOCIAIS, COMO O BRASIL POR EXEMPLO,QUE A DESIGUALDADE TENDE A SE ACUMULAR.

    ResponderExcluir
  29. Fáio n°5 1°3

    Pela leitura e analise do texto pude compriender que a desigualdade abrange tudo, não só um ser rico e outro pobre, mas desigualdade em oportunidade, desigualdade na escola, de gênero, como por exemplo.
    Mais a desigualdade que é mais comum (não só no nosso país, mas em quase em todos os países não desenvolvidos) é a desigualdade de renda.
    Quando desenvolve a área econômica também cresce miséria e com ela cresce também desemprego e vagas nas escolas, etc. Sem a ajuda do Estado não a como vencer ou reduzir a desigualdade do Brasil.
    Issu é tudo, obrigado pelo seu tempo professor Claudio!

    ResponderExcluir
  30. 1°3 Thayane Matias n°37

    O conceito desigualdade social é um fenômeno que compreende diversos tipos de desigualdade sendo elas desigualdades de oportunidade, desigualdade de escolaridade, e porém a mais conhecida desigualdade social.
    Que é a diferença de classes, pobres e ricos mais é a pobreza que atinge a maioria dos países e ainda mais aqueles que não são desenvolvidos.
    Ou, como afirma Hélio Jaguaribe em seu artigo no limitar do século 21 :''Em um país com 190 milhões de habitantes um terço da população despõe de condições de educação de vida.Isso quer dizer que a desigualdade existe e vem a cada dia piorando em todo o mundo.

    ResponderExcluir
  31. 1°3 higor N°08
    Bom na minha opinião a desigualdade social, não é nada mais que algo que acontece no mundo inteiro, e infelizmente no nosso pais.
    Mas isso geralmente ocorre quando algumas pessoas tem muitos bens materiais e o outros quase nada, é classificar alguém melhor que o outro, é uma forma de preconceito, é agir de forma injusta e pensar nela mesmo.
    Para acabarmos com isso é preciso que sejamos justos a cada situação que nos acontece,devemos ser leais a nos mesmos, pois não adianta cobrar dos outros o que não exercemos, porque a pior mentira é mentir para si mesmo . essa é minha opião sobre "desigualdade social.

    ResponderExcluir