terça-feira, 16 de outubro de 2012

3º ano EM Tarefa da semana de de 15 a 19 de outubro - A Escravidão Contemporânea



A assinatura da Lei Áurea, em 13 de maio de 1888, representou o fim do direito de


propriedade de uma pessoa sobre a outra, acabando com a possibilidade de possuir


legalmente um escravo no Brasil. No entanto, persistiram situações que mantêm o


trabalhador sem possibilidade de se desligar de seus patrões. Há fazendeiros que, para


realizar derrubadas de matas nativas para formação de pastos, produzir carvão para a


indústria siderúrgica, preparar o solo para plantio de sementes, algodão e soja, entre


outras atividades agropecuárias, contratam mão-de-obra utilizando os contratadores


de empreitada, os chamados “gatos”. Eles aliciam os trabalhadores, servindo de fachada


para que os fazendeiros não sejam responsabilizados pelo crime.3


Esses gatos recrutam pessoas em regiões distantes do local da prestação de


serviços ou em pensões localizadas nas cidades próximas. Na primeira abordagem,


mostram-se agradáveis, portadores de boas oportunidades de trabalho. Oferecem serviço


em fazendas, com garantia de salário, de alojamento e comida. Para seduzir o


trabalhador, oferecem “adiantamentos” para a família e garantia de transporte gratuito


até o local do trabalho.


3 Baseado em texto organizado pelo autor, no final de abril de


2004, a pedido da Comissão Nacional para Erradicação do


Trabalho Escravo (Conatrae) para explicar à sociedade o que é


trabalho escravo.


22 •


O transporte é realizado por ônibus em péssimas


condições de conservação ou por caminhões improvisados sem


qualquer segurança. Ao chegarem ao local do serviço, são


surpreendidos com situações completamente diferentes das


prometidas. Para começar, o gato lhes informa que já estão


devendo. O adiantamento, o transporte e as despesas com


alimentação na viagem já foram anotados em um “caderno” de


dívidas que ficará de posse do gato. Além disso, o trabalhador


percebe que o custo de todos os instrumentos que precisar para


o trabalho – foices, facões, motosserras, entre outros – também


será anotado no caderno de dívidas, bem como botas, luvas,


chapéus e roupas. Finalmente, despesas com os improvisados


alojamentos e com a precária alimentação serão anotados, tudo


a preço muito acima dos praticados no comércio.


Convém lembrar que as fazendas estão distantes dos


locais de comércio mais próximos4, sendo impossível ao


trabalhador não se submeter totalmente a esse sistema de


“barracão”, imposto pelo gato a mando do fazendeiro ou


diretamente pelo fazendeiro.


Se o trabalhador pensar em ir embora, será impedido


sob a alegação de que está endividado e de que não poderá sair


enquanto não pagar o que deve. Muitas vezes, aqueles que


reclamam das condições ou tentam fugir são vítimas de surras.


No limite, podem perder a vida.

123 comentários:

  1. 3º1 João Carlos Campos Nº18

    Escravidão no Brasil tudo começou com os imigrantes. Os portugueses que aqui viviam precisavam de empregados e aproveitaram os imigrantes para os usarem nos seus trabalhos mais pesados assim surgiu a escravidão.

    ResponderExcluir
  2. Nome:Lucas de Siqueira Nº:21 3º1

    A lei auria libertou os escravos de uma forma não significativa,pelo fato deles ainda dependerem de seus patrões.Na minha opinião eles só foram "registrados" como trabalhadores mais a escravidão continuava a mesma eles ganhavam tão pouco q era como se não ganhassem nada estavam sendo escravizados da mesma forma que antes ou até pior!

    ResponderExcluir
  3. 3º1 João Vinicius C. Souza Nº34

    Há mais de cem anos no Brasil, foi abolida a escravidão, e desde então, não é permitido que uma pessoa tenha posse sobre outra, mas a escravidão está longe de ser erradicada. Podemos observar que mesmo hoje, com toda especialização nos campos do trabalho, ainda há pessoas, que por falta de estudos e condições financeiras ainda se rendem aos empregos com condições precárias e que pagam muito pouco.
    Tudo isso deve-se ao baixo desenvolvimento do país em relação a educação e emprego.

    ResponderExcluir
  4. 3º1 Samantha de Mello nº29

    sem duvida ainda vivemos numa situação de escravidão, as pessoas são atraídas por tentadoras propostas de emprego onde ganharam bons salários com auxilio as suas famílias porem a situação é completamente outra, esses trabalhadores são obrigados a trabalhar por baixa remuneração e em condições deploráveis onde a comida é pouca e de má qualidade, e ainda são obrigadas a pagar por seus instrumentos de trabalho, são escravos numa sociedade que diz abominar esse tipo de atitude.

    ResponderExcluir
  5. 3º1 Pedro Cerebel n°27

    O Texto diz que em 1888 foi declarado o fim da escravidão no Brasil, mas, continuamos com essa "Escravidão" todos nós trabalhadores somos escravos do governo, e tambem das nossas empresas onde trabalhamos, por que além de trabalharmos muito, recebendo ordens de pessoas que só pensam em nos mandar trabalhar nem sequer nos ajudam a trabalhar, e além de tudo o salário as vezes não é o suficiente para certas familias mais carentes quem seu espaço no mercado de trabalho. E o governo só nos da impostos só querem abusar da sociedade e com esse dinheiro não fazem nada para melhorar a cidade. É essa a escravidão contemporânea.

    ResponderExcluir
  6. 3°1 Aline santos n°01

    O texto relata um fato que apesar de ser totalmente proibido por lei, ainda existe;o trabalho escravo,é comum em locais onde os "poderosos" precisam de mão de obra,e não estão dispostos a pagar o correto por isso, então procuram pessoas "humildes", que precisam desesperadamente do emprego para o sustento de suas famílias e abusam disso, principalmente na hora da seguranças desses trabalhadores, colocando em risco suas vidas. E mesmo assim eles arriscam tudo, pelo "salario" que ganham.

    ResponderExcluir
  7. 3°1 Ana Paula, N°02

    O texto relata uma situação que por incrível que pareça ainda acontece muito, como o texto mesmo comenta a lei áurea foi assinada em 1888 mas ainda se encontra casos de escravidão, só que hoje em dia é chamado de “trabalho”
    Muitos que estão a procura de trabalho acabam se iludindo com o que os “gatos” falam, e
    indo trabalhar como escravos sem saber, sendo submetidos a condições de saneamento básico precárias e sendo obrigados a ficar pois são cobrados tudo o que eles utilizam ate os E.P.I s (equipamento de proteção individual) que eles utilizam para trabalhar são cobrados, sua alimentação moradia entre outros.
    Na minha opinião isso deveria ser fiscalizado e erradicado da sociedade, pois, esta completamente fora da lei.

    ResponderExcluir
  8. 3º1 Jefferson Nº14

    No texto acima nos mostra que hoje em dia ainda existe a escravidão que foi extinta no dia 13 de maio de 1888. Os chamados "gatos" um local que promete uma certa condição de trabalho com comida,transporte gratuito,alojamento... mas a realidade do local de trabalho é outra. Com uma condição precária de trabalho, eles chegam em seus "alojamentos" e eles se deparam com o local de trabalho que não é nada parecido com o que foi dito a eles. Todas as suas despesas que ate aquele momento seriam "gratuitas" são colocadas em um caderno de anotação, onde se eles tentarem irem embora do local eles são impedidos com a alegação que estão endividados.

    ResponderExcluir
  9. 3°01 Caroline Del Anhol Caetano n°07

    Apesar de ser abolida a escravidão, muitos tem propostas de emprego aparentemente boa com salario alto, comissões... quando se é aceita a proposta não tem nada do que se foi falado. A remuneração é muito baixa e que o trabalhador é quase feito de escravo porque além da exploração que se tem no trabalho nem transporte é lhe dado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 3º3 Jaqueline Amaro Nº 10

      Pois eu acho que ainda há escravidão nos Países, muitas pessoas não vão a procura de um emprego bom e sim na maioria das vezes a procura de um salário melhor que dê para sustentar melhor suas famílias.
      E assim mesmo se a pessoa faz um trabalho bem feito nem dão a importância do serviço da pessoa e começa a julgar.

      Excluir
  10. 3º1 Jhennifer Bertanha n°17

    Promessas são feitas garantindo aos escravos que a realidade será diferente,que o tráfico de escravos será proibido e que a situação precária em que se encontram os meios de transporte será alterada, oportunidades de emprego são oferecidas em lugares promissores onde as pessoas recebem adiantamento como uma forma de afirmarem que as coisas serão diferentes. Mas promessas são promessas, e o prometido não é cumprido, e a decepção em relação aos sonhos e objetivos que pessoas criam em cima de falsas promessas, acreditando que as coisas mudarão pra melhor não são válidas, e em troca disso têm toda uma história comprometida e dividas são criadas e serviços injustos terão que ser prestados a pessoas hipócritas. Fatos estes que comprovam que a escravidão esta longe de seu fim.

    ResponderExcluir
  11. nome:anderson oliveira da silva n°03 serie:3°1

    A escravidão no Brasil é marcada principalmente pelo uso de escravos vindos do continente africano, mas é necessário ressaltar que muitos indígenas foram vítimas desse processo.

    Os escravos foram utilizados em atividades relacionadas à agricultura,sendo assim Alguns deles desempenhavam também vários tipos de serviços domésticos e/ou urbanos.muitos trabalha e nunca ganham nada e acaba sendo prejudicado muito e as vezes ate perdem a propria vida.

    ResponderExcluir
  12. 3°1 Jenifer, N° 15

    Bom eu entendi que hoje em dia acontece que os patrões oferecem oportunidade de emprego para as pessoas, e levam eles para a fazenda e cobram o que eles gastam lá. E em vez das pessoas ganharem o seu salario, ficam devendo para ele (patrões) e isto é completamente fora da lei.

    ResponderExcluir
  13. 3°1 Lucas Mirarchi n°22

    o Texto se retrata de uma lei, Áurea. Essa lei fala sobre a proibição do trabalho escravo, mais nos dias atuais essa lei não vem sendo cumprida, as pessoas (empresas) vem utilizando pessoas para o trabalho escravo, dando garantias que não podem cumprir. E pessoas se submetem a esse tipo de situação, pois muitas das precisam de dinheiro prometido, para os sustento de suas familias, ou ameaças de morte.

    ResponderExcluir
  14. 3º1 Denys Ursulino Nº 10

    A escravidão foi uma coisa muito ridícula ocorrida antigamente, mais existe também a escravidão contempôranea em que diferente de antigamente a escravidão de tempos atuais as pessoas até ganham coisa em troca mais tudo é descontado do sálario e nao é nada do que prometeram, o gato anota tudo e desconta do "escravo" até as proprias ferramentas de trabalho.

    ResponderExcluir
  15. 3º1 Wellington G. Rodrigues Nº31

    Escravidão. Uma palavra antiga, que presente nos dias de hoje, nos leva a ver
    uma dura realidade onde muitos patrões se aproveitam da falta de condição financeira
    de seus funcionários, que por falta de estudo, não conseguem um emprego melhor. Prometem
    boas condições de emprego, iludindo muitos, e por falta de opções acabam
    aceitando essas propostas, e aceitando o abuso de seus superiores.

    ResponderExcluir
  16. 3°1 Maria Carolina n°24

    A''escravidão'' de tempos atrás se foi, porém os abusos cometidos por patrões cujo poder sobre o outro acreditam ter é algo comum. Muitas das pessoas acabam caindo nas lábias daqueles que não tem um pingo de bondade em mente.Seus serviços continuam sendo utilizados somente em benefício do poder maior sem ao menos serem auxiliados em seus próprios direitos trabalhistas. A verdade é que essas pessoas não acabam sendo escravas de seus patrões mas sim da idéia de que devem algo á eles, e isso os impedem que busquem seus direitos.

    ResponderExcluir
  17. 3º1 clever da silva santos nº09

    mesma com a criação da lei muitas fazendeiros ainda tem escravos na sua propriedades com isso esses fazendeiros tem pessoas para servir de fachada para eles esses são chamados de gatos eles oferecem condição boas de serviço mas na realidade não e isso o que ocorre esses escravos são submetidos a condição de vida e moradia precária caso eles tente fugir se pego eles levam uma surra que pode levá-los ate a morte.

    ResponderExcluir
  18. 3°1 welliton césar n° 32

    O texto fala a respeito do fim da escravidão em 1888.Mas ainda estamos sendo "escravos" em pleno século 21,somos escravos do governo, muitas vezes cobiçador.Cobiçador porque eles cobram imposto muito alto.fazem as pessoas trabalharem bastante e muitas vezes não pagam o que devem.

    ResponderExcluir
  19. 3º1, Mateus Adriano Pires, n°25

    De acordo com o texto, a escravidão teve seu fim através da lei Áurea que aboliu a escravidão no Brasil.
    Mas,a escravidão não acabou, praticamente ela ocorre por baixo dos panos digamos. Um exemplo citado no texto sobre a escravidão contemporânea é onde grandes fazendeiros oferecem melhorar a vida, e como eles necessitam, aceitam sem pensar, onde se coloca em risco de vida pelo trabalho e se se estouram em dividas, onde trabalham para pagar o que devem.
    Enfim, são escravizados, se tentam fugir tomam surra ou podem perder a vida.

    ResponderExcluir
  20. 3º1 – Bruna Freire nº06
    A escravidão foi abolida a muito tempo, mas isso não impede que pessoas sejam exploradas até hoje. Temos um exemplo disso no trabalho dos cortadores de cana, que muitas vezes saem de outras cidades com a ilusão de um “bom emprego”, e quando chegam ao seu destino para trabalhar, se deparam com uma situação completamente diferente do que imaginaram. Trabalham muito por um pouco salário, sem segurança, correndo até risco de vida, o que ganham se quer conseguem se alimentar. Hoje até tem algumas máquinas que auxiliam esses trabalhadores, mas isso não impede que essas pessoas sofram e sejam exploradas pelos seus patrões.

    ResponderExcluir
  21. 3°1 BIANCA CRISTINA SOARES n°04

    Por incrível que pareça hoje em dia continuamos sendo tratados como escravos, pois trabalhamos e fazemos tudo o que podemos para que no final do mês recebemos baixo salário.
    Essas coisas acontecem pois pessoas que tem dinheiro se aproveitam das necessidades de pessoas que nem sabe o que foi entrar em uma escola , e com isso apresentam propostas de emprego fascinantes como plano médico , renda fixa ... mais na verdade nunca cumprem com o combinado . E assim vemos que a escravidão esta longe de acabar !

    ResponderExcluir
  22. 3°1 Monique n°26
    O fim da escravidão teve seu fim oficialmente em 13 de maio de 1888,mas até hoje há pessoas que ainda tratam seus funcionários como escravos.Tem fazendeiros que são chamados de “gatos” eles “contratam” seus funcionários para fazerem o trabalho sujo como no desmatamento de árvores e etc.E se esses funcionários não quiserem mais fazerem esse trabalho eles são ameaçados por esse “gatos”,e ainda não ganham um sálario descente,eles tratam seus funcionários como se eles fossem um lixo e não como seres humanos.

    ResponderExcluir
  23. 3°1 Caroline Leite Lopes n°8
    A lei Áurea foi assinada para abolir a escravidão, mas na pratica isso não tem acontecido pois muitos trabalhadores que vem sendo explorados de diversas formas e sendo privados de seus direitos de funcionário tem trabalhado muito por muito pouco, trazendo de novo a escravidão há vida dos trabalhadores. Além da exploração e da mão de obra barata as condições de vida dos mesmos são inaceitáveis e os fazem correr até risco de vida.

    ResponderExcluir
  24. 3°3 Kelvin Barbosa de Lima n°16


    A lei foi estabelecida assim como varias para seren compridas,mas nao é isso que acontece no caso da escravidão.
    Muitos fazendeiros estão trazendo pessoas de lugares distantes com dificuldades de se proficionalisar em algo ,prometendo um milhão de coisas e no fim quando aceitão a tal proposta cheia de promessas feitos politicos do sertão surpreende os trabalhadores fasendoos trabalhar para pagar dividas inventadas pelos patrões e se veem forçados a trabalhar sem nenhuma saida.

    ResponderExcluir
  25. 3°3 William Solano n°24

    Em pleno seculo 21 ainda existem escravidões,por mais que a lei esteje ali para ser cumprida muitos ignoram o poder publico e as penalizações para continuar a enganar humanos de origem simples fasendo promessas absurdas e os pobres coitados caem em tais promessas se colocando em trabalhar sem praticamente receber ou melhor devendo para seus patroes sem nunca poder quitar essa tal divida que o prende a seus oficios irregulares

    ResponderExcluir
  26. 3°3 breno.m mendes. n°2
    bom a muito tempo a escravidão ja foi abolida no brasil . mais mesmo assim podemos ver q ate hj em dia , continua isso , a escravião no nosso país , axo q isso e devido a falta de educação e empregos no brasil em fim isso tudo devido ao desenvolvimento precario q temos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 3°3 Karina Silva N° 15

      Há muito tempo no Brasil já foi abolida sim a Escravidão, mesmo assim tem pessoas tem pessoas que escravizam os outros só por ter o poder de ter o dinheiro e um emprego melhor.
      Não adianta as pessoas querer ser melhor do que outras se o caráter não consta!

      Excluir
  27. 3°3 matheus terra de santana n°25
    após a aboliçao da escravidao os fazendeiros por quererem mao de obra barata tiveram que encontrar um novo meio de conseguir esse mao de obra por isso eles chamam pessoas de cidades distantes para trabalhar para eles alegando um bom serviço, um bom salario e boas condiçoes de vida mas quando esses trabalhadores percebem ja estao "endividados" e sao obrigados a trabalhar para pagar essa divida e se eles tentam sair ou fugir sao surrados e ameaçados de morte esse foi o meio que os fazendeiros encontraram para conseguir mao de obra barata e sem terem que dar qualquer beneficios aos trabalhadores sem falar da pécima condicoes de vida em que sao submetidos.

    ResponderExcluir
  28. 3º3 Guilherme C. de Oliveira Nº08

    No Texto diz que em 1888 foi declarado o fim da escravidão no Brasil,mas, continuamos com essa "Escravidão" todos nós trabalhadores somos escravos do governo,E o governo só nos da impostos,E esse dinheiro que é retirado da gente que poderia ser recolocado na cidade,agente não consegue ver para onde isso é levado.
    Escravidão? é uma palavra antiga, que esta presente nos dias de hoje, nos leva a ver uma dura realidade onde muitos patrões se aproveitam da falta de condição financeira de seus funcionários, que por falta de estudo, não conseguem um emprego melhor,querendo ou não acaba sendo uma suposta escravidão.

    ResponderExcluir
  29. 3°3 jhonatan damacena de olivira N°11
    A LEI AURIA,RESOLVEU SO PARTE DO PROBLEMA DA ESCRAVIDÃO,POIS A ESCRAVIDÃO AINDA CONTINUA SO COMO UMA FORMA MENOS AGRESIVA ....
    EXEMPLO,AS DIFERENSAS SALARIAL AINDA É DIFERRENTE..EMPREGADAS AINDA SÃO MAIS NEGRAS ..E O MAIS IMPORTANTE ISSO DE TER UMA PORCENTAGEM PRA NEGROS NA FACULDADE E TERRIVEL ...E O GOVERNO SO TEMTA ENCOBRIR CADA VEIS MAIS .
    INTÃO COMO PODEMOS VER A ESCRAVIDÃO AINDA CONTINUA É ISSO AI GALERA

    ResponderExcluir
  30. 3°3 Thaina Mayara Martins N°22 Essa lei foi criada para abolir a escravidão, mas mesmo assim ainda os fazendeiros faziam os famosos "gatos" eles enganavam os trabalhadores, e os levavam para uma cidade longe de suas casas, e continuava fazendo eles de escravos, se eles quisessem voltar para suas casas eles eram punidos, e era uma punição sem limites, que poderia levar a morte.

    ResponderExcluir
  31. 3º3 Joyce Kelly nº13

    Infelizmente em alguns lugares a lei não é apurada corretamente muitos trabalhadores são escravizados sem saber.
    Tem muitas patrões que promete boas condições de emprego e não cumpre.

    ResponderExcluir
  32. Jaqueline de Souza Lima 3°2 N°22
    A escravidão foi abolida em lei,mais mesmo assim hoje em dia podemos ver que ainda a algo semelhante no mercado do trabalho como propostas de trabalhos enganadoras que oferecem plano medico,vale alimentação,participação de lucro,etc...que são propostas enganadoras pois tudo isso que oferece o mercado do trabalho eles desconta do seu empregado como antigamente eles oferecem uma coisa mais no fundo tem outros sentidos.Por mais que tenha leis que ajude contra a escravidão ou exploração.Ou seja somos obrigados a trabalhar dessa forma para ter um meio de sustentação , o que pode ser semelhante a escravidão.

    ResponderExcluir
  33. 3°2 Talita n°30
    Trabalho escravo contemporâneo é o trabalho forçado que envolve restrições à liberdade do trabalhador. O trabalhador é obrigado a prestar um serviço, sem receber um pagamento ou recebem um valor insuficiente para suas necessidades e as relações de trabalho costumam ser ilegais. Diante destas condições, as pessoas não conseguem se desvincular do trabalho. A maioria é forçada a trabalhar para quitar dívidas, muitas vezes contraída por uma pessoa com classe media superior. E isso hoje no Brasil é proibido mais existe muitos casos onde as pessoas são tratadas como escravas sem ao menos ter o respeito que todos merecem.

    ResponderExcluir
  34. 3º2 Bruna Veiga nº10

    A lei áurea não libertou totalmente o povo da escravidão. As pessoas do nosso país são atraídos por falsas propostas, onde acham que vão ganhar ótimos salários, sustentar suas famílias e viver com tranquilidade. Mas isso é tudo engano, tem que trabalhar muito mais do que sua carga horária fixa para ganhar salários miseráveis e ainda são obrigados a pagar os equipamentos necessários para trabalhar, pagar seu alimento e sua moradia.
    Na minha opinião o governo tem que fiscalizar e punir esse fazendeiros, pois, estão fazendo algo proibido pela lei.

    ResponderExcluir
  35. 3°2 Francielle dos Santos N°: 15
    Escravidão: O texto acima relata uma situação que ainda em alguns casos acontecem muito, o texto mesmo relata que a lei Áurea Foi assinada no ano de 1888 mais infelizmente ainda ouvimos falar da tal escravidão, que por incrível que pareça hoje em dia é chamada de “Trabalho”.
    Mais assim mesmo a lei Áurea Foi decretada que era fim da escravidão, mais mesmo assim ainda somos escravos do Governo, eles acham que vivemos numa situação de escravidão, as pessoas são atraídas por tentadoras propostas de emprego onde ganharam bons salários com auxilio. E ainda tem pessoas que acham que isso ainda é bom, mais isso às vezes não é tão bom porque o salário nunca sai livre sempre tem alguma coisa que desconta, e isso não é certo.

    ResponderExcluir
  36. Thais Meira 3°2 N°32
    Infelizmente,hoje em dia na nossa sociedade apesar de haver leis que ajudam contra a escravidão,ainda deparamos com casos de trabalhadores sendo explorados e enganados com propostas falsas.Pessoas que dão o máximo de si,para muitas vezes sustentar suas famílias e acabam sendo tratadas como um lixo.Acho que essas pessoas deveriam se colocar no lugar desses trabalhadores e ver o quanto é duro viver assim.

    ResponderExcluir
  37. 3°2 muriel berg 27

    Dez de que o homem descobriu formas de tirar vantagens da fragilidade do outro passou a existir os golpes e a escravidão, que em sua essência são iguais, na escravidão vemos que só o que mudou foi a forma de atrair o escravo, pois nos tempos atuais escravidão é crime então não é mais viável utilizar da força para fisgar os trabalhadores, da mesma forma que um estelionatário os “gatos” fazem com que a vitima veja inúmeras vantagens neste negocio mas por fim aquela bondade se transforma e a vitima cai na armadilha.

    ResponderExcluir
  38. 3º2 Francielle Freitas nº16
    Mesmo muito tempo depois o Brasil e o mundo não podem dizer que estão livres do trabalho escravo atualmente, existem milhões de pessoas submetidas a trabalho forçado em todo o mundo, o trabalho forçado é uma situação penosa, que nos envergonha a todos como sociedade.De modo geral, o trabalho escravo só tem a prejudicar a imagem do Brasil no exterior, e deve ter um fim o mais rápido possível.

    ResponderExcluir
  39. 3º2 Bruna Moreira Piloni Araujo. nº08
    Assim como lemos no texto, mesmo com a lei de abolição do trabalho escravo ele continua existindo, pessoas de má fé ainda pratica o trabalho escravo de uma maneira diferenciada, na contemporaneidade o trabalho escravo vem sendo realizado com propostas de melhorias de vida, onde sem ao menos pensar aqueles que necessitam acabam aceitando o trabalho acreditando que irão levar suas vidas tranquilas, podendo sustentar suas famílias. E nada do que foi prometido é realizado, acabam devendo por seus gastos e obrigados a trabalhar para suprir. Na minha opinião a fiscalização é importante mas se não respeitam a lei o que faz as pessoas não se arriscarem? Para mim a solução vai do caráter da pessoa.

    ResponderExcluir
  40. 3º2 Nathália de Lima nº28
    Todos pensávamos que com a lei áurea seria totalmente proibido a escravidão no Brasil, mas infelizmente não é isso que vemos hoje, quase todo os dias vemos na TV e no jornal reportagens falando de pessoas que trabalham clandestinamente no Brasil, sem o mínimo conforto e de deiscência. Pessoas que são iludidas com falsas propostas de mudança de vida repentina e como sabemos que os brasileiros querem tudo rápido, fácil e lucrativo onde muitos deles se dão mal podendo até perder a própria vida.
    Deveria ser bem mais rigorosa a lei que proíbe a escravidão, prendendo esse “fazendeiros” sem direito a pagamento de fiança, deveriam sentir na pele tudo que eles fazem pra essas pessoas.

    ResponderExcluir
  41. 3°2 Guilherme Batistela n°19

    A escravidão foi abolida entre aspas,porque ainda sim existem escravidão , na forma de que os Patrões oferecem vagas de emprego que parecem ser exelintissimas , mas na verdade é tudo enganação , as pessoas além de trabalharem mais do que lhe é prometido ainda ganham um salario muito baixo , tudo isso é devido a falta de estudo e emprego no país que acaba deixando os Cidadãos sem outra escolha a de serem "Escravos" .

    ResponderExcluir
  42. 3º2 Douglas Donato Estrafati Nº:13
    AS leis de hoje mudaram muito com o de antigamente , o pensamento do povo sobre a escravidão é que acabou há muito tempo , mais a realidade é outra.
    varias propostas de emprego feitas a muitos cidadãos são enganosas , péssima moradia e salarios menores.
    em muitos casos seus patrões se aproveitam muito mais do que a carga horaria proposta pro funcionario , levando eles ao desgaste e nem chegam perto de um salario digno.

    ResponderExcluir
  43. 3°2 Ed Carlos n° 14
    Nos dias atuais muitas pessoas são vitimas de trabalho escravo, por exemplo no nosso nordeste pessoas que trabalham por merreca por que não tem o que comer em casa são obrigados e não tem escolha,a pessoas que são controladas por pessoas grandes,não tem saída,dependendo da situação são ate ameaçadas,torturadas e controladas pelos indivíduos que só ficam ricos em cima das costas dos coitados que se matam trabalhando de graça. Nossa lei tem que tomar uma providencia e punir esses ladrões.

    ResponderExcluir
  44. 3º 2 Gabriela de Oliveira nº 17
    Assim como antigamente a escravidão esta presente em nosso país mas ao contrario do passado onde tudo era feito de forma visível hoje em dia ainda convivemos com a escravidão mas de modos diferentes. Como no caso de fazendeiros que ainda utilizam essas mão de obra para trabalho que precisa de força física. Esses trabalhadores não recebem pelos serviços prestados, trabalham em grandes condições de risco entre outras situações que são prejudiciais aos trabalhadores.
    Tudo isso é realizado com um grande cuidado para não serem descoberto pois manter trabalhadores em escravidão é crime.

    ResponderExcluir
  45. 3°2 Paulo Henrique n°29

    A liberdade da escravidão foi na verdade uma falsa liberdade , pois hoje em dia ainda vemos escravidão no país , pessoas sem estudo e sem condições de vida acabando aceitando propostas de emprego que são oferecidas como uma ótima proposta mas na verdade o empregado tem que fazer extras e sofrer muito para ganhar um baixo salário , o que acaba se tornando um escravo do seu serviço.

    ResponderExcluir
  46. 3°2 Igor Henrique n°20
    A lei áurea, não adiantou em nada ainda existe os trabalhadores que são escravos , mesmo eles sendo registrados, eles não tem um trasporte descente ,um direito digno de um trabalhador , muitas pessoas sai de suas terras pra conseguir algo melhor e acabam sendo "iludidos" e se eles se recusarem a trabalhar eles saiem como devedores e se não pagarem oque devem acabam apanhando ou até perder a vida , essa situação é muito delicada não tem fim sempre tem alguem querendo tirar proveito de outra pessoa pra ter o melhor e a outra até então que se lasque e não conseguem trazer uma vida melhor para seus familiares

    ResponderExcluir
  47. 3º2 Amanda Macedo 02

    O homem evolui com seu jeito de fingir, tudo o que faz escondido e joga debaixo do tapete, pensando somente em obter vantagens pra si mesmo ele aproveita de inocentes lhe oferecendo uma vida melhor, que não existe, ao encontrar com a realidade pessoas inocentes descobrem que foram enganados por golpista que se quer tem respeito com si mesmo. Infelizmente o mundo vem piorando cada vez mais nos mostrando que fazemos parte de uma raça totalmente mesquinha, sem total respeito com o próximo e com sigo mesmo

    ResponderExcluir
  48. 3°3 Michelly Elihara n°18

    O Texto diz que a escravidão ainda não acabou,atualmente temos vários exemplos disso,empregados estão sendo valorizados pelo empregador.
    Todos temos direitos como cidadãos,principalmente á liberdade,sendo do menor cargo visto pela sociedade ou maior,afinal somos seres humanos.

    ResponderExcluir
  49. 3º2 Caroline dos Santos nº12

    Quando a Lei Áurea libertou os escravos, ela não libertou-os literalmente, pois ainda nos dias de hoje há homens que trabalham como escravos, que não tem um conforto, e nem um salário para sustentar suas famílias. Isso deverá ser proibido por lei, mas o governo do Brasil ainda não teve a capacidade de enxergar.

    ResponderExcluir
  50. 3°2 Jhonatas Antunes Fermino nº 33

    O Texto diz que em 1888 foi declarado o fim da escravidão no Brasil, mas, continuamos com essa "Escravidão" todos nós trabalhadores somos escravos do governo, mais logicamente, a escravidão de antigamente é bem pior do que hoje em dia.
    Fazendeiros de antigamente, não contente com o salário miserável,descontava os equipamentos necessários como : botas,luvas,calça, fora a, alimentação,moradia, e transporte, e alem de tudo, muitos deles trabalhava forçadas,se não perderia sua própria vida, que na minha opinião não era necessário isso .

    ResponderExcluir
  51. Moriel nº26 3º2

    O texto relata que depois que decretaram a lei Áurea, no Brasil se foi proibido de ter um escravo.
    Mas hoje em dia no Brasil todos acabam sempre dando um jeito de burla a lei. E com isso eles que arrumaram um jeito de meio que continua a tendo um "escravo" se são chamados de "gatos" ou seja pessoas que trabalham por pouco dinheiro e os fazendeiros são os que mais usam esses serviços para cortarem mato fazer colheita de plantações e etc. E se eles os "gatos" tentam
    fugir ou falam que não querem mais trabalha eles apanham a ponto de poder chegar a morrer.

    ResponderExcluir
  52. Driele Dias Nº05 3º3

    A Lei Áurea foi assinada para abolir a escravidão, mais na prática não é bem assim, por incrível que pareça ainda somos tratados como escravos. As empresas oferecem muitas coisas como transporte, plano médico, refeição entre outras, porém trabalhamos muito por pouco salário, e além disso somos escravos do governo que cobra impostos que nem sempre vemos melhorias na cidade em que moramos, pois infelizmente ainda existe muita corrupção.

    ResponderExcluir
  53. Patricia Araújo Borges nº 34 3º2

    Durante anos, houve uma luta contra a escravidão devido acontecimento. Atualmente sofremos com a escravidão contemporânea no Brasil que é baseado em falsas promessas aos trabalhadores, entre as tais incluem um salario digno, transporte e benefícios. Infelizmente o trabalho escravo é restrito a liberdade, com os trabalhadores obrigados a trabalhar para conseguir sustentar suas famílias e por não terem estudos sofrem com essas " discriminação "

    ResponderExcluir
  54. Caio Francelino Teixeira nº 11 3º2

    Em 1888 Lei Áurea foi criada para libertar os escravos, mas mesmo assim continuaram com a escravidão.
    Nos tempos de hoje ainda temos casos de escravidão. São funcionários que são explorados no máximo, que recebem uma miséria, para realizar trabalhos pesados e árduos, vítimas de falsas promessas de trabalho. Devido a falta de interesse do governo que não investe em educação, sem estrutura alguma.

    ResponderExcluir
  55. Nome:Pamela Caroline N°19 serie:3°3


    São feitas promessas garantindo a proibição do trfico de escravos e a situação precária do transporte.E havera oportunidades de empregos onde essas pessoas téra um adiantamento para garantir que as coisas serão diferentes.Mas apromessa não são cumpridas,isso quer dizer que o fim da escravidão esta longe do seu fim.

    ResponderExcluir
  56. 3°2 Ana Carolina Voigt n° 03

    De acordo com a lei a escravidão não existe mais, o que é um grande equivoco afirmarmos, pois, as leis não são cumpridas em nosso pais. A teoria ditada pelo governo de que vivemos em um país de igualdade, que todos nós somos respeitados como cidadãos, meras demagogias.
    A realidade está bem longe do que se prega, pessoas trabalham sol pós sol e não ganham o que merecem, pessoas que buscam uma vida melhor e se afundam na lama, acreditando em pessoas egoístas e hipócritas.
    Crianças, adultos, homens, mulheres nenhum escapa de olhos maldosos, que só pensam no seu bem estar, sem se preocupar com o seu próximo e não estou falando só de enxadas, foices, facões,digo também sobre a prostituição infantil, trafico de mulheres que vão para outros países na esperança de serem modelos e viram prostitutas,imigrantes que vem a procura de trabalho melhor e se depara com a injustiça ... lamentável viver em um mundo que prefere jogar tudo de baixo do tapete, mas "ignorar os fatos não os altera"!

    ResponderExcluir
  57. 3 4 nome: andriel j. da silva n 03
    Eu entendi que éssa lei nao adianto de nada
    por que os fazendeiros continuao explorando,
    os trabalhadores com essa forma de trabalhar
    eles os propoem uma coisa quando na verdade é
    outra eles menten pra levar os pra trabalhar
    e fazelos de escravos.

    ResponderExcluir
  58. 3º4 Rosângela Felix nº20
    Essa lei não vale de nada
    a exploração no trabalho acontece até hoje
    você faz o seu melhor e ninguém e nem um patrão
    da valor.
    Todo final de mês o empregado espera seu salario
    e nada,pessoas de alta sociedade ricos aproveitam de pessoas q não tem estudo e são pobres

    ResponderExcluir
  59. 3°4 Ludmila da silva santos n°13


    A escravidão foi abolida entre aspas,porque ainda sim existem escravidão , na forma de que os Patrões oferecem vagas de emprego que parecem ser exelintissimas , mas na verdade é tudo enganação , as pessoas além de trabalharem mais do que lhe é prometido ainda ganham um salario muito baixo , tudo isso é devido a falta de estudo e emprego no país que acaba deixando os Cidadãos sem outra escolha a de serem "Escravos".

    ResponderExcluir
  60. Trabalho escravo contemporâneo é o trabalho forçado que envolve os direitos e à liberdade do trabalhador. O trabalhador é obrigado a prestar um serviço, sem receber um pagamento ou recebem um valor vergonhoso para suas necessidades e as relações de trabalho costumam ser ilegais. Diante destas condições, as pessoas não conseguem se desvincular do trabalho. A maioria é forçada a trabalhar para quitar dívidas, muitas vezes contraída por um ancestral.

    ResponderExcluir
  61. 3º4 Fernanda Argolo de Souza nº 26
    No texto mostra que ainda existem pessoas que tentam escravisar pessoas para trabalhar mesmo tendo a lei que proibe a escravidão no Brasil. Essas pessoas tentam explorar pessoas pobres que não tem nada,fazendo promessas falsas, propondo uma vida melhor.

    ResponderExcluir
  62. 3º4 william Nº23

    A realidade está bem longe do que se prega, pessoas trabalham sol pós sol e não ganham o que merecem, pessoas que buscam uma vida melhor e se afundam na lama, acreditando em pessoas egoístas e hipócritas.
    Crianças, adultos, homens, mulheres nenhum escapa de olhos maldosos, que só pensam no seu bem estar, sem se preocupar com o seu próximo e não estou falando só de enxadas, foices, facões,digo também sobre a prostituição infantil, trafico de mulheres que vão para outros países na esperança de serem modelos e viram prostitutas,imigrantes que vem a procura de trabalho melhor e se depara com a injustiça ... lamentável viver em um mundo que prefere jogar tudo de baixo do tapete, mas "ignorar os fatos não os altera.

    ResponderExcluir
  63. 3º4 Anderson Nº02

    Escravidão é uma palavra antiga, que esta presente nos dias de hoje, nos leva a ver uma dura realidade onde muitos patrões se aproveitam da falta de condição financeira de seus funcionários, que por falta de estudo, não conseguem um emprego melhor,querendo ou não acaba sendo uma suposta escravidão.

    ResponderExcluir